May 10, 2018

December 13, 2017

November 17, 2017

October 14, 2017

Please reload

Posts Recentes

O que é assertividade ?

December 13, 2017

1/4
Please reload

Posts Em Destaque

O que são Psicoterapias?

August 11, 2017

 

O termo psicoterapia vem do grego, psykhê que significa mente e therapeuein que significa curar. Juntando as duas palavras temos literalmente, uma cura da mente. Projeto pretensioso esse, não? Como assim, curar a mente!? Você nem está sentindo a sua mente doente e lá vem alguém dizendo que ela precisa ser curada...

 

Então, sempre pensamos que a dor é localizável, que podemos apontá-la e... voilá, haverá um remédio para estancá-la, mas o que ocorre na realidade é que como não localizamos essas dores da mente, temos dificuldades com elas, muitas vezes não sabemos nem como descrevê-las.

 

Emoções e sentimentos mal digeridos ou sequer reconhecidos, vão se acumulando ao longo do tempo dentro dessa mente já sobrecarregada com todos os afazeres diários, e aí o que acontece é que ela vai adoecendo, ficando desanimada, sem força, triste, até transformar, por exemplo, em algo mais complexo como uma depressão, ou passamos a ficar muito ansiosos ou refratários às exigências da vida, com isso nossa qualidade de vida, nossas interações familiares, nosso trabalho vão ficando empobrecidos e gerando outras questões.

 

Desde muito tempo, a humanidade vem se empenhando em buscar formas de racionalizar, entender e amenizar os efeitos dolorosos que uma mente sobrecarregada ou adoecida pode causar, não só para quem sente mas também para quem está ao redor de quem sofre. Com isso, inúmeras técnicas foram desenvolvidas para se conseguir abordar as emoções e sentimentos mais difíceis de localizar e entender.

 

Bom, vamos às técnicas, afinal falar sobre o que nos aflige é algo que só percebemos os benefícios quando falamos para alguém que sabe nos ouvir de forma profissional e competente, sabendo o que fazer para nos amparar da maneira adequada.

 

Hoje em dia dispomos, por exemplo de terapias que atendem a toda a família ou apenas ao casal, como a sistêmica; temos a boa e velha Psicanálise que atende de crianças a idosos e a terapia cognitivo-comportamental (TCC) cuja a meta é retirar um sintoma específico num breve período de tempo. Temos também as terapias de base corporal, que pensam o corpo como um campo energético; e também o coaching que visa promover uma mudança de comportamento favorecendo pontos individuais. O Psicodrama que dramatiza cenas familiares conflitivas, e algumas outras; o que de fato as aproxima é a fala, a famosa cura pela fala - e falar sobre nossos incômodos pode não ser lá muito fácil, mas é sempre compensador nos conhecer um pouco mais.

 

E aí, achou o projeto audacioso ou está disposto a se encarar?

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga